Make your own free website on Tripod.com

Monte Sinai

Glossário de Termos Judaicos

By Ministério Pedras Vivas

 

Adar

Décimo segundo mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Afikoman

“Sobremesa”; pedaço de matsá tirado no início do sêder e guardado até o final da refeição; é o último alimento a ser ingerido antes do Bircat Hamazon, Bênção de Graças após a refeição – para lembrar as oferendas de Pêssach, que era o último alimento  ingerido no sêder, na época do Templo.

 

 

Ahavat Israel

Amor ao próximo; um dos preceitos fundamentais da Tora: “Ame ao teu próximo como a ti mesmo”.

 

 

Ano embolísmico

Ano em que ocorre o acréscimo de um mês (sete vezes em cada ciclo de 19 anos) para que o ano lunar se iguale ao ano solar.

 

 

Arca

No local mais sagrado do Templo, “Santos dos Santos” ficava guardada a Arca Sagrada que continha as tábuas da Lei que continha os Dez Mandamentos.

 

 

Ashkenazi

Termo utilizado para designar os judeus nascidos na Europa Ocidental.

 

 

Ashkenazita

Judeu de origem ashkenazi.

 

 

Av

Também chamado "Menachem Av"; quinto mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Baal Shem Tov

Nome completo: Rabino Israel Baal Shem Tov  (1698-1760); conhecido como o “Mestre do Bom Nome”. Fundador do Chassidismo.

 

 

Baal Teshuvá

Aquele que retorna ao caminho de Torá após ter permanecido afastado.

 

 

Bar Mitsvá

literalmente “Filho do Mandamento”; termo designado a meninos que completam a maturidade religiosa aos 13 anos de idade.

 

 

Bat Mitsvá

literalmente “Filha do Mandamento”; termo designado a  meninas que completam sua maturidade religiosa aos 12 anos de idade.

 

 

Bedicat Chamêts

Busca realizada na noite anterior a Pêssach com a finalidade de remover todo e qualquer vestígio de chamêts.

 

 

Beit Hamicdash

Templo Sagrado; referente aos dois Templos que existiam em Jerusalém e foram destruídos; moradia de D'us na Terra; local onde eram realizados os sacrifícios e trazidas as oferendas; o Muro das Lamentações é a muralha remanecente que cercava o Segundo Templo.

 

 

Berach

Um dos passos do sêder de Pêssach, quando ao final da refeição, recita-se o Bircat Hamazon, Bênção de Graças após a refeição.

 

 

Bereshit

Lit. “No princípio” o primeiro dos cinco volumes da Torá.

 

 

Cabalá

Lit. “tradição recebida”; uma referência a tradição mística judaica; relaciona-se aos estudos e  prática da parte mística da Torá.

 

 

Cabalista

Aquele que é bem versado nos ensinamentos  e prática da Cabalá.

 

 

Cadêsh

Recitação da bênção sobre o vinho, “kidush”; primeiro “passo” do sêder de Pêssach.

 

 

Calendário gregoriano

Calendário utilizado em grande parte do mundo; recebeu este nome por ter sido reformado pelo Papa Gregório XIII (1502-1585) do calendário juliano.

 

 

Carpás

“Antepasto”; pedaço de vegetal que pode ser cebola, ou batata que é colocado na keará, travessa do sêder de Pêssach. Este vegetal é ingerido logo no início do sêder após ser mergulhado em água salgada para despertar e estimular a curiosidade das crianças.

 

 

Casher

Apropriado, correto para o uso; no caso de alimento, permitido para consumo.

 

 

Cashrut

Conjunto de leis que regem a dieta judaica e que estão descritos na Torá.

 

 

Chabad

Lit. acróstico das palavras hebraicas “Chochmá, Biná e Daat” que significam, respectivamente, inteligência , entendimento e sabedoria; forma chassídica que filtra o poder espiritual e emocional através do intelecto: foi fundado pelo Rebe Schneur Zalman de Liadi; um sinónimo para Chabad é Lubavitch, aldeia onde este movimento surgiu durante um século.

 

 

Chabadniks

Aqueles que seguem a filosofia Chabad.

 

 

Chacham

“Sábio”; alusivo a um dos quatro filhos citados na Hagadá.

 

 

Chag, pl. Chaguim

Lit. “festa”;Termo usado para designar as festas judaicas.

 

 

Chaguigá

Era uma das oferendas trazidas ao Templo Sagrado durante a peregrinação dos judeus a Jerusalém realizada três vezes por ano.

 

 

Chamêts

Todo alimento ou bebida feito à base de trigo, centeio, cevada, aveia ou espelta, ou seus derivados, que é fermentado

 

 

Chanucá

Lit. “Dedicação”; oito dias nos quais comemora-se a vitória dos chashmonaim sobre o exército opressor Greco-sírio; subsequentemente o Templo Sagrado foi reconsagrado .

 

 

Charôsset

Mistura composta por maçãs e pêras raladas e nozes misturadas com vinho tinto formando uma pasta. Sua cor e consistência recorda a argamassa com a qual  ou nossos ancestrais foram obrigados a trabalhar no Egito.

 

 

Chassid

Lit. “um homem piedoso”; o termo se aplica aos seguidores do movimento chassídico; seguidor de um Rebe  chassídico.

 

 

Chassídico

Qualidade de apreciar a Chassidut, filosofia que incentiva o estudo e compreensão da parte mais profunda e mística da Torá.

 

 

Chassidismo

Sinônimo de Chassidut.

 

 

Chassidut

Estudo e prática da parte oculta e mística da Torá.

 

 

Chazêret

Ervas amargas usadas na travessa do sêder para o Corêch.

 

 

Chêder

Escola na qual meninos judeus, a partir de três anos de idade, são iniciados no aprendizado do alfabeto hebraico e nos estudos de Torá.

 

 

Cheshvan

Também chamado Marcheshvan; oitavo mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Chinuch

Lit. educação.

 

 

Chumash

Pentateuco; os cinco livros da Torá

 

 

Cohanim

Plural de Cohen

 

 

Cohen

Uma das três categorias em que se divide o povo judeu: Cohen Levi e Israel; descendentes de Aharon, irmão de Moshê.

 

 

Corbán Pêssach

Oferenda do Cordeiro Pascal ; era realizada durante a época do Templo Sagrado, sacrificado na véspera de Pêssach e ingerido na noite, no final do sêder.

 

 

Corêch

É um dos passos do sêder de Pêssach; a raiz amarga é mergulhada no charôsset e colocada entre dois pedaços de matsá.

 

 

Dayênu

Lit.  “já teria bastado para nós”; refrão de uma canção entoada na Hagadá.

 

 

Elul

Sexto mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan) e último mês do ano. Em 25 de Elul do "ano zero", D'us iniciou a criação do Mundo culminando com a criação do homem, seis dias depois, em Rosh Hashaná.

 

 

Eretz

Terra; designação utilizada para descrever Israel: Eretz Israel.

 

 

Êxodo

Saída dos judeus do Egito.

 

 

Farbrenguen

Reunião chassídica na qual idéias são compartlhadas com intervalos marcados por melodias entoadas com L’chaims.

 

 

Farsi

Dialeto de origem persa.

 

 

Fuso horário

Cada uma das 24 divisões longitudinais de 15° nas quais foi dividida a Terra para estabelecer uma seqüência regular de alterações da hora legal. O fuso 0° estende-se a 7,5° de cada lado do meridiano de Greenwich (subúrbio de Londres); à hora legal desse fuso acrescenta-se uma hora para o leste e subtrai-se uma hora em direção à oeste.

 

 

Haftará

Lit. “passagem final”; Passagem dos Profetas lida na sinagoga após a leitura do da Torá.

 

 

Hagadá

“Narrativa”; leitura de passagens que relatam a história do povo judeu e sua saída do Egito.

 

 

Halachá (pl. Halachot)

Compêndio das leis judaicas; uma lei específica;

 

 

Haláchica

Pertinente à halachá, lei; de origem legal.

 

 

Halel

“Cânticos de Louvor”; Recita-se cânticos de agradecimentos a D'us.

 

 

Iyar

Segundo mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Keará

Lit. “prato”; bandeja, travessa ou toalha sobre a qual são colocadas as três matsot e os seis ingredientes que serão utilizados durante o sêder.

 

 

Kfar Chabad

Cidade Chabad em Israel.

 

 

Kidush

“Santificação”; bênção recitada sobre uma taça de vinho que proclama a santidade do Shabat ou festa judaica.

 

 

Kidush Hashem

Ato de santificar o nome de D-us.

 

 

Kislêv

Nono mês do calendário judaico.

 

 

Latitude

Arco do meridiano compreendido entre determinado observador ou determinada localidade (do norte ou do sul) e o equador terrestre.

 

 

Lechaim, L´chayim

Lit. “à vida”; é um brinde judaico feito sobre uma bebida forte.

 

 

Levi

Uma das três categorias em que se divide o povo judeu: Cohen, Levi e Israel.

 

 

Levita

Descendente da tribo de Levi. Os levitas tinham várias tarefas no Templo Sagrado, dentro as quais cantar e tocar os instrumentos durante o serviço das oferendas e eram parte da guarda de honra do Templo.

 

 

Leviyim

Plural de Levi

 

 

Licutei Sichot, Licutê Sichot

Discursos do Rebe que foram editados através dele; engloba 39 volumes com comentários sobre os mais diversos assuntos.

 

 

Longitude

Arco do equador terrestre compreendido entre o meridiano que passa pelo observatório astronômico de Greenwich (subúrbio de Londres) e o meridiano que passa pelo observador (do leste ou do oeste).

 

 

Lubavitch

Lit. “cidade do amor” ; aldeia na Rússia que foi o centro dos chassidim de Chabad de 1813 a 1915 e que permaneceu como Sinônimo de Chabad.

 

 

Lulav

Uma das quatro espécies utilizadas para fazer as bênçãos especiais durante a festa de Sucot.

 

 

Lunissolar

Calendário que leva em conta simultaneamente a rotação da Lua em torno da Terra e as estações do ano, regidos pelo Sol.

 

 

Maguid

Lit. “relatando”; um dos passos do sêder que narra a história do Êxodo.

 

 

Maimônides

Rabi Moshê Ben Maimon (4895-4964 a partir da criação do mundo - 1135-1204 E.C.), talmudista, filósofo, médico, matemático e codificador da Lei Judaica. Nasceu na Espanha e viveu no Marrocos e Egito.

 

 

Maná

Alimento que caía dos céus e que era enviado por D-us ao povo judeu no deserto; adquiria o sabor desejado.

 

 

Maror

Ervas amargas; são consumidas no sêder em lembrança aos tempos amargos vividos por nossos ancestrais no Egito.

 

 

Mashiach

Lit. "ungido"; descendente do Rei David, descrito pelos profetas como o ser humano que trará o entendimento de D-us a todos, reconstruirá o Terceiro Templo Sagrado em Jerusalém e a Era Messiânica - época de paz e tranqüilidade no mundo.

 

 

Matsá

Pão não levedado feito somente com farinha e água; o pão é assado através de um processo que leva menos de 18 minutos desde o momento em que a farinha toma contato com a água.

 

 

Matsá Shemurá

Matsá “guardada”; i.e. Matsá produzida com extremo cuidado desde o plantio do grão, na moagem até o final do processo, para que não tivesse nenhum contato com água..

 

 

Mezuzá

Pequeno rolo de pergaminho, que contém trechos sagrados da Torá, e que é protegido por uma caixinha e pregado nos umbrais das portas de lares e estabelecimentos judaicos.

 

 

Michá

Nome de um dos profetas.

 

 

Midrash

Interpretação não literal e ensinamentos homiléticos dos sábios, na escritura.

 

 

Mishná , Mishnê

Codificação da Lei Oral que forma a base do Talmud; obra escrita por Rabino Yehuda HaNassi.

 

 

Mishnayiot

Plural de Mishná

 

 

Mitsrayim

Egito

 

 

Mitsvá

Obrigação religiosa; um dos 613 mandamentos (mitsvot).

 

 

Mitsvá Tank

Veículo utilizado para a divulgação e aproximação de judeus no caminho da Torá e no cumprimento das mitsvot , ações positivas.

 

 

Monte Sinai

Local escolhido por D-us para a outorga da Torá.

 

 

Moshê

Primeiro líder do povo judeu; tirou-os do Egito, entregou-lhes as Tábuas da Lei e guiou-os no deserto.

 

 

Motsi-matsá

Um dos passos do sêder de Pêssach; “Bênçãos sobre a matsá”; momento em que o condutor do sêder segura as três matsot juntas e todos recitam a bênção.

Nirtsá

“Aceito”; após concluir o serviço do sêder, estamos certos de que foi bem aceito pelo Todo-Poderoso.  

   

Nissan

Primeiro mês do calendário judaico, no qual ocorre a Festa de Pêssach, que comemora a libertação do povo judeu do Egito

 

 

Nôach

Noé; homem justo em sua geração. Salvou-se junto com sua família na época do Dilúvio, construindo a Arca de Noé a mando de D-us.

 

 

Ômer

Medida antiga (de aproximadamente dois quilos); um ômer de grãos da nova colheita de cevada era oferecida a D-us no segundo dia de Pêssach, permitindo a partir de então o uso da nova safra. Durante o período do ômer, os 24 mil alunos de Rabi Akiva (um grande sábio que viveu após a destruição do Segundo Templo) morreu de uma epidemia, tornando esta época uma ocasião de tristeza e meio luto.

 

 

Pêssach

Lit. “Passar por cima”; festa que comemora o êxodo dos judeus do Egito, sua identidade como povo e o surgimento de uma nação.

 

 

Pirkê Avot

Obra conhecida como “Ética dos Pais”; tratado da Mishná onde está escrito éticas e morais para a vida.

 

 

Pogrom

“Perseguição”, discriminação; opressão sofrida pelos judeus.

 

 

Purim

Festa judaica que comemora o fim do decreto de aniquilação do povo judeu  pelo rei Achashverosh, da Pérsia, que fora conspirado pelo seu cruel conselheiro, Haman; Purim consagra a salvação do povo judeu. 

 

 

Quatro Copos

Alude aos quatro copos de vinho que bebemos no sêder a fim de lembrar as quatro expressões de redenção mencionadas na Torá.

 

 

Quatro Filhos

Referência aos quatro tipos de filhos (o sábio, o malvado, o tolo e aquele que não sabe perguntar) mencionados na Hagadá.

 

 

Querubins

Refere-se  as duas figuras que ficavam sobre a Arca Sagrada.

 

 

Rabi

O mesmo que rabino.

 

 

Rabino

Pessoa que estudou e aprofundou-se nas leis judaicas e formou-se recebendo sua “smiche”, seu diploma.

 

 

Rashá

“Malvado”; alusivo a um dos quatro filhos citados na Hagadá.

 

 

Rashi

Rabi Shlomo Itschaki; um dos maiores comentaristas da Torá.

 

 

Rav

Lit. “rabino”.

 

 

Rebe

Sábio que serve como guia espiritual para seus seguidores chassídicos.

 

 

Rebetsin

Esposa de um rabino ou de um Rebe.

 

 

Redenção Final

Época aguardada desde a criação do mundo; Era em que o mundo será regido pela paz, entendimento entre os homens e o reconhecimento de D-us por todos.

 

 

Rochtsá

Um dos passos do sêder de Pêssach; ;”segunda ablução”; momento em que os participantes do sêder devem abluir as mãos recitando a bênção de “Netilat yadáyim”.

 

 

Rosh Chôdesh

Literalmente "cabeça do mês"; início de cada mês judaico comemorado como dia especial.

 

 

Rosh Hashaná

Literalmente “cabeça do ano”; dois dias festivos na diáspora que marcam o início do ano novo judaico contado a partir da data da criação do mundo.

 

 

Sanhedrin

Corte Suprema formada por 71 membros.

 

 

Schneur Zalman de Liadi

Fundador e primeiro Rebe de Chabad-Lubavitch (1745-1812), autor do Tanya.

 

 

Sêder

Cerimônia realizada na primeira e segunda noite de Pêssach.

 

 

Sefirat HaÔmer

Lit. “contagem do Ômer”; mandamento da Torá que específica contar 49 dias, do segundo dia de Pêssach (quando foi sacrificado um corban Haômer) até a véspera de Shavuot.

 

 

Sete Leis de Nôach

São sete leis dadas por D-us que devem ser cumpridas por todos os povos: 1) Não praticar a idolatria. 2) Não blasfemar contra D-us. 3) Não matar. 4) Não seqüestrar nem roubar. 5) Não cometer adultério, incesto ou bestialidade 6) Estabelecer tribunais para a manutenção da justiça. 7) Não comer a carne de um animal enquanto ainda está com vida nem ser cruel com os animais de nenhuma outra forma.

 

 

Seudat Mashiach

Refeição servida no último dia de Pêssach, antes do anoitecer, na qual come-se matsá e bebe-se quatro copos de vinho a fim de reafirmar a fé na eminente Redenção e na chegada de Mashiach.

 

 

Shabat

Sétimo dia da semana, dia santo que testemunha nossa fé em D-us como Criador. Assim como Ele "descansou" após ter criado o mundo em seis dias, ordenou que fizéssemos o mesmo.

 

 

Shalom

Paz. Vocábulo usada como cumprimento entre as pessoas.

 

 

Shavuot

Festa que celebra o dia em que D-us revelou-Se no Monte Sinai e entregou a Torá ao povo judeu.

 

 

Sheliach, Shluchim

Lit. “emissário”, “mensageiro”; enviados especiais que saem de seus lares para habitar locais distantes para cumprir sua missão; o Rebe  enviava seus emissários para espalharem Torá em locais longínquos reerguendo ou criando novos centros vivos e atuantes de judaísmo – até hoje.

 

 

Shemá

Início do versículo "Ouve Israel, o Eterno é nosso D-us, o Eterno é Um", base da proclamação diária da unicidade Divina; Esta prece é composta de três trechos da Torá e é recitada na Prece Matinal e na Prece Noturna como também antes de se recolher ao leito.

 

 

Shevat

Décimo primeiro mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Shiduch

Promover a união entre duas (meias) almas gêmeas; fazer um “shiduch”, está associado ao ato de promover uma relação duradoura entre dois seres tendo o casamento como coroação desta união.

 

 

Shôfar

Chifre de animal casher utilizado como instrumento de sopro; é tocado durante todo o mês que precede Rosh Hashaná, anunciando a proximidade do ano novo judaico, bem como em  Rosh Hashaná; é um “chamado” para despertar a alma para fazer  teshuvá; e no término de Yom Kippur.

 

 

Shulchan Aruch

Código de Leis; obra escrita por Rebe Yossef Karo, e que engloba todas as leis e práticas judaicas.

 

 

Shulchan Orêch

Refeição servida nas noites do sëder.

 

 

Sidurim

Lit. “Ordem” (das preces); Livros de rezas diárias.

 

 

Sinai

Monte Sinai – local escolhido por D-us para a outorga da Torá.

 

 

Sivan

Terceiro mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan), no qual ocorre a Festa de Shavuot, que comemora a Outorga da Torá por D-us no Monte Sinai.

 

 

Siyum

Lit. “Término”, “Conclusão”; comemoração do término do estudo de um tratado talmúdico ou outros assuntos ligados à Torá.

 

 

Sucá

Cabana com teto de folhagem usada na festa de Sucot (Festa das Cabanas), para lembrar a proteção Divina durante os 40 anos que o povo judeu peregrinou no deserto.

 

 

Sucot

Festa das Cabanas

   

Taharat Hamishpachá

Lei de Pureza Familiar; mandamento Divino que aponta instruções e regras relativas ao comportamento conjugal.

   

Talmud

Uma das maiores obras judaicas, quase toda escrita em aramaico. Contém as explicações da Lei Oral, baseando-se na Mishná. Foi compilado na Babilônia e em Jerusalém.

 

 

Talmúdico

Pertinente ao Talmud.

 

 

Tam

“Tolo”; alusivo a um dos quatro filhos citados na Hagadá.

 

 

Tamuz

Quarto mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Tanya

Obra fundamental da chassidut escrita pelo Rabino Schneur Zalman de Liadi, que explica a filosofia Chabad.

 

 

Tefilin

Lit. “Filactérios”; dois quadrados pretos de couro, um para ser utilizado na cabeça e o outro colocado no braço; contêm pequenos rolos de pergaminho com passagens bíblicas da Torá; usado durante as rezas matinais.

 

 

Templo Sagrado

Os dois Templos que existiam em Jerusalém: e foram destruídos.; moradia de D-us na Terra; local onde eram realizados os sacrifícios e trazidas as oferendas;  o Muro das Lamentações é rmuralha remanecente que cercava o Segundo Templo.

 

 

Terra Prometida

Terra de Israel entregue como herança por D-us ao povo judeu.

 

 

Tevet

Décimo mês do calendário judaico (contando a partir do mês de Nissan).

 

 

Tishrei

Sétimo mês do calendário judaico e primeiro mês do ano no qual se comemora Rosh Hashaná, aniversário da Criação.

 

 

Torá

Literalmente, "guia", "orientação". Manual de vida outorgado por D'us com Suas instruções. Intelecto e vontade Divina transmitida a Moisés e entregue ao longo das gerações; inclui a Lei Escrita e Oral (interpretação). Também conhecido como Pentateuco (os Cinco Livros, chamados a Lei de Moisés).

 

 

Tsadic, pl. Tsadikim

Homem íntegro; também utilizado como sinônimo de Rebe .

 

 

Tsafun

“Escondido”; momento final da refeição do sêder no qual come-se a meia matsá reservada para o “aficoman”, “sobremesa”.

 

 

Tsedacá

Lit. “Justiça”; fazer caridade lembrando que está equilibrando as desigualdades justamente.

 

 

Ufaratsta

Lit. “e você deverá espalhar”; frase bíblica que tornou-se slogan do movimento Chabad-Lubavitch.

 

 

Urcháts

“Ablução”; todos os presentes à mesa do sêder devem abluir as mãos sem pronunciar a bênção de “Netilat yadáyim”.

 

 

Yáchats

“Divisão”; a matsá do meio (das três matsot da travessa do sêder) é quebrada em duas partes desiguais.

 

 

Yechidut

Encontro privado com um Rebe .

 

 

Yeshivá

Escola para aprendizado talmúdico e estudos de Torá avançados.

 

 

Yetsêr Hara

Inclinação para o mal; Mal instinto.

 

 

Yetsêr Tov

Bom instinto; inspira a pessoa a praticar o bem.

 

 

Yidishe

Dialeto alemão falado pelos judeus da Europa Ocidental, ashkenazitas, e que tornou-se a segunda língua oficial, além do hebraico.

 

 

Yitrô

Sogro de Moisés; abandonou a idolatria e optou pelo caminho do judaísmo.

 

 

Yizkôr

Reza recitada na sinagoga em ocasiões especiais, entre as quais o último dia de Pêssach, em memória de entes queridos falecidos.

 

 

Yom Kippur

Dia do Perdão; mais significativo do ano judaico onde as pessoas fazem um balanço de si mesmas e tomam boas decisões para o futuro após serem perdoadas de suas falhas, neste dia, por D-us.

 

 

Yom Tov

Data festiva; neste dia há restrições quanto a algumas atividades criativas.

 

 

Zeidê

Lit. “avô”; origina-se do yidishe.

 

 

Zerôa

Osso do antebraço grelhado colocado na travessa do sêder em lembrança ao Corbán Pêssach, Sacrifício de Pêssach, oferecido na época do Templo. O osso é meramente uma lembrança simbólica e não é ingerido.

 

 

Zôhar

Lit. “Livro do Esplendor”; texto principal do misticismo judaico.

CLIC AQUI PARA UMA VERSÃO DE IMPRESSÃO

MINISTÉRIO ESTUDANDO A BÍBLIA

CIC – Congregação Israelita “o Caminho”.

ministerioestudandoabiblia@ig.com.br

http://estudandoabiblia.tripod.com


Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são um tempo em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do espírito de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que Ele é real e que o Fim dos Tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna em Seu Reino, como se já estivesse com Ele.  Se quiser saber como nascer de novo, CLIC AQUI AGORA!!!

No entanto, se a dificuldade está nas doutrinas (de homens) que a sua igreja prega, siga então o último conselho bíblico: Saia dela Povo Meu! Apoc 18:4.

...E, se Eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para Mim mesmo, para que onde Eu estiver estejais vós também. João 14:3

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam que Jesus está às portas!!!

Que Deus o abençoe.

Clic Aqui para enviar esta Matéria para um amigo!

 

HOME

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

..